MEUS SEGUIDORES

quarta-feira, 16 de maio de 2012

CANTINHO ROMÂNTICO.

LINDAS POESIAS
Todas as Postagens desta página, são da comunidade SÓ KARINHO.os meus agradecimentos.


Mar de Ilusão

Caminhando entre tantos
O teu rosto aparece
Em um vai e vem
Igual as ondas do mar
Mar de solidão e ilusão
O corpo caminha entre tantos
Mas coração sozinho está.

Olhando em volta
Corações agitados
Uns alegres, reais
Outros camuflados
Desconhecem perdão, amor real.
Caminho entre tantos
Nesse mar de ilusão, busco paz.

O teu rosto insistente aparece
É produto da imaginação
Aparece e parece verdadeiro
Penso, são apenas ilusão.

Não sou dada a bebidas
Meu único vicio é você
Não é sonho, estou acordada
Lucidez me deixou de vez
Estou envolvida em mar de ilusão
Amor, ainda amo você.
-Alvanice-


 Tormentoso Mar



Assoitada por fortes ondas
Arrastada por enchentes da maré
Me envolve, vai me levando
Difícil é ficar de pé
Rolo em redimuinho
Mas alimento minha fé
Sinto-me frágil, confesso
Mas vou indo, até quando Deus quiser.

Tenho sonhos e objetivos
Deus me ajude a realizar
E sonhando prossigo
Ainda as vezes, como barco a derivar
Sou açoitada por fortes ventos
Da paixão que o meu peito devora
Um amor, que virou tormento
Meus poemas, são resumo dessa história.

Tempestades são tormentos
Trovões rebumbam, me abalam
Me sinto sem alento
Penso em você, escrevo poema
É difícil caminhar sozinho
Nesse mar de ilusões perdida
Vou indo contra o vento
Sem você, padeço duras penas.
-Alvanice-


 COM SAUDADES



 Com saudades te procurei
Sentindo desejo do teu olhar
Desejando o teu calor
Mas não consegui te encontrar.

Coração quando ama
Se torna menino atrevido
É Persistente na procura
Do seu amor, seu mundo
Seu tudo, sua própria vida.

A lucidez reprova o coração
Mas o amor é teimosas ondas do mar
Trevas se desfazem com a luz
Águas destroi pedras
Mas o amor, nada o destruirá.
Alvanice.



 Para Sempre


Para sempre te amarei
O meu amor é verdadeiro
Por isso é assim
Amor que nasce no peito
Jamais terá fim.

Para sempre te amarei
Diblarei essa tua ausência
Mas não irei te esquecer
Te amarei por toda minha vida
Sou feliz, amando você.

Para sempre te amarei
No ar, no sol, terra, vento e mar
Em tudo encontro você
Quando a solidão vem me maltratar
Sinto bem perto tua doce presença
Meu coração vibra de prazer.

Meu amor, como é bom amar você.
_Alvanice_




Tentativas...


 

Tão suave, como suave brisa
Tento chegar ao teu coração
Mas me perco no atalho indiferença
Fico atônita, no labirinto paixão.

Os teus olhos me falam de sentimentos
Por amor me deixo enganar
Mas logo eles desaparecem e se vão
Deixando a saudade a me atormentar.

Em suas mãos coloquei meu coração
E sei, para sempre irei o amar
Sou dependente dos seus carinhos
Quero no seu coração morar.

Quem me dera conhecer tua alma
Teus pensamentos e desejos
Te você por toda minha vida
Quem me dera, fosse meus teus beijos.
_Alvanice_



Te encontrei


Tanto tempo procurei,
tanta coisa encontrei,
Pude ver o que queria
E saber que ele existia.

Não era apenas um sonho,
Era mais do que realidade,
Você foi feito para mim,
E eu sou a sua metade.

Como a lua que me ilumina,
Seu amor me faz menina,
A menina mais feliz,
Pois encontrou o que sempre quis.

Desde aquele olhar faceiro,
Aquele jeito de menino arteiro.
Desde aquele olhar, aquele cheiro,
Roubou meu coração inteiro.

Te encontrei, depois de tanto procurar
E pedi aos céus que você pudesse me amar.
Graças a Deus minha prece foi ouvida,
E eu te encontrei, Amor da minha Vida.

(MariiSiqueira)



QUANDO TU PARTISTE 




Quando tu partiste
Eu fiquei triste a chorar
O silencio e a saudade
Insistiam em ficar em teu lugar.

Quando tu partiste
Fico triste só de lembrar
O silencio e a saudade
Vieram ocupar teu lugar.

Quando tu partiste
Só eu sei do meu penar
Chorei, penei, teu rosto busquei
Não te encontrei, em nenhum lugar.
-Alvanice-





A chuva e eu



A chuva cai e rola pela vidraça
Penso em você
De saudades meus olhos embaçam
E neste silênçio insistente
Só escuto o barulho da chuva
Nem só um transeunte
Nesta noite fria e escura.

Escuto e bem assustada
O rebumbar dos trovões
Clarões ilumina toda a rua
Penso ainda mais em você
Abraço suavemente meu corpo
Na ilusão de sentir as tuas.

A chuva insistente continua
No peito sobram saudades
Bem sabe amor, toda tua
Quem me dera neste instante
Aquecer meu corpo e alma
No teu calor, morro de amor
E esta paixão me mata.
-Alvanice-

 Corações


Coloque
i a mão sobe meu coração
Senti seu precioso pulsar
Pensei, que delicioso
Meu amor guardado aqui está.

Coloquei a mão sobe meu coração
Gostei de ouvir o seu pulsar
Pensei, como é feliz o coração
Que tem um outro para guardar.

Coloquei a mão sobe meu coração
Pensei, sinto a vida neste pulsar
Pulsa calmo por está completo
Por ter alguém para amar.

Coloquei a mão sobe meu coração
Pensei, ele pulsa feliz por sentir outro pulsar
Quem me dera fosse correspondido
Por este coração, que vivo a amar.
-Alvanice-


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muitas vezes, a correria de nossas vidas nos impede de dar atenção ao que realmente vale a pena. E agradecer é uma das coisas que acabam ficando esquecidas na correria do dia-a-dia.
Pode ser por um simples favor ou por uma grande atitude, mas o agradecimento nunca deve ser esquecido. Obrigado Por Sua Atenção e Pelo Carinho e por ter vindo até aqui e deixando seu comentário importantíssimo para o engrandecimento das postagens. SEJA SEMPRE BEM VINDO(A) Profª Lourdes Duarte