MEUS SEGUIDORES

sábado, 24 de novembro de 2012

POEMA DE DEUS

POEMA DE DEUS
 
Fazia eu ao Senhor
a minha oração
Deus, por seu anjo pediu-me
um poema sobre as Belezas
de toda a Criação
*
Quando escrevi falando do Sol,
Senti Suas mãos me aquecendo
Ao falar da lua
senti Sua ternura me envolvendo
*
Falando eu dos animais
sentia-O me embalar como a uma criança
Falando das árvores e das flores,
senti Seu sopro de esperança
*
Falando das águas,
senti Seu mergulho em mim
com Seu mistério a me proteger
Falando do céu
senti Seu azul a me acolher
*
Falando do fogo
senti Sua chama purificando-me o ser
Falando do ar
senti Seu sopro divino a renovar meu viver
*
Terminado o breve poema
Apresentei-Lhe tudo quanto escrevi
Ouvi-o então dizendo:
"Prossegue, tu não falaste de ti"

(Autora: Pando)
Imagem: Cópia do google

3 comentários:

Muitas vezes, a correria de nossas vidas nos impede de dar atenção ao que realmente vale a pena. E agradecer é uma das coisas que acabam ficando esquecidas na correria do dia-a-dia.
Pode ser por um simples favor ou por uma grande atitude, mas o agradecimento nunca deve ser esquecido. Obrigado Por Sua Atenção e Pelo Carinho e por ter vindo até aqui e deixando seu comentário importantíssimo para o engrandecimento das postagens. SEJA SEMPRE BEM VINDO(A) Profª Lourdes Duarte