MEUS SEGUIDORES

quarta-feira, 25 de junho de 2014

O INEVITÁVEL ENCONTRO COM NOSSO EU





O INEVITÁVEL ENCONTRO COM NOSSO EU
Autora: Profª Lourdes Duarte

Não podemos controlar tudo que acontece ao nosso redor, nem todas as ações na nossa vida. São inúmeros os acontecimentos que marcam nossa existência e muitas vezes fogem da nossa vontade, principalmente o que nos afeta de forma negativa.
Contudo, temos uma força interior que nos ajuda a pensar positivo, impulsionar nossos pensamentos com uma força incalculável, uma força direcionada por Deus e colocar um pouco de luz onde há escuridão, a luz da esperança.
Com o coração repleto de esperança, a caminhada torna-se menos tortuosa, e serena. Com serenidade, sem descontrole, podemos aprender a gerenciar diferentes situações de maneira que não nos afetem completamente ou profundamente e não nos impeçam de sonhar ou lutar pela realização dos nossos sonhos.
Somos humanos, é impossível ficar indiferentes à tudo o que acontece, não podemos nos esconder atrás de escudos que nunca defenderão nossa sensibilidade, pois no inevitável encontro com nosso eu, precisamos ainda encontrar forças e coragem para nos olhar nos olhos, mas por mais difíceis que sejam os acontecimentos não podemos perder o controle e nem o fio de esperança que nos resta.

Quando perdemos o controle de nós, perdemos o controle de tudo. Por isso, por maior que sejam os problemas e decepções, devemos manter a calma, ter fé acreditar nesta força interior e por mais desesperadoras que pareçam as situações, acreditar que é possível mudar e que estas situações não duram para sempre.
Podemos chorar até que nossa alma se sinta lavada, podemos falar com alguém em quem tenhamos confiança, podemos pinta, desenhar, construir, correr ou apenas nos entregar à dor até que o peito se esvazie dela, mas o que não podemos é perder a esperança, caso contrário a nossa evolução interior será podada como uma planta que germina e por falta do solo fecundo acaba secando.
Temos todos em nós, plantadas sementes de virtudes, de força, fé e esperança,
devemos dar a elas condições para que floresçam, para que deem frutos, para que irradie energia positiva e que a nossa luz interior ilumine os nossos caminhos e nos de ânimo e coragem para lutar, por maior que sejam os atropelos da vida. E que a chama da esperança continue viva em nossos corações e a cada dia possamos nos encontrar com nós mesmos e acreditar que somos capazes de vencer.






6 comentários:

  1. Oi Lourdes, linda mensagem de otimismo. "...Quando perdemos o controle de nós, perdemos o controle de tudo...." é a mais pura verdade. Que aprendamos a nos controle diante das situações adversas. Um bom dia prá vc. Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Profª Lourdes Duarte,
    Paz e Bem.
    Obrigada pelo encontro nesta manhã.
    Faço-lhe visita sempre, e ficaria muito feliz por
    ser a minha madrinha do blog! Bjsss ♥

    ResponderExcluir
  3. Amiga muito querida, estou passando para lhe dizer que mais uma da suas publcações falam muito comigo, pena é que eu não tenha a coragem nessesária para as seguir...esta é uma fase muito negativa que eu estou a passar, mas um dia tenho esperança que encontrarei o lar que deixei a quando para cá vim Deus é pai e me ajudará.
    Tenha um lindo dia com tudo de bom em sua vida e quero que saiba que gosto muito da sua pessoa, é linda e maravilhosa, beijinhos de luz e obrigada por este momento de me ler.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Lourdes.
    E é a minha esperança que tem me mantido de pé diante de tantos acontecimentos ruins e inesperados em minha vida. Tantas mortes de entes queridos... uma bem próxima da outra. Mas eu decidi que eu quero viver, quero aproveitar o que ficou de bom, embora sempre sentirei saudades.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Lindo texto Lourdes, parabéns! Vc deveria escrever um livro, que tal? :)
    Obrigada por seua presença na festinha do blog
    Bjs

    ResponderExcluir

Muitas vezes, a correria de nossas vidas nos impede de dar atenção ao que realmente vale a pena. E agradecer é uma das coisas que acabam ficando esquecidas na correria do dia-a-dia.
Pode ser por um simples favor ou por uma grande atitude, mas o agradecimento nunca deve ser esquecido. Obrigado Por Sua Atenção e Pelo Carinho e por ter vindo até aqui e deixando seu comentário importantíssimo para o engrandecimento das postagens. SEJA SEMPRE BEM VINDO(A) Profª Lourdes Duarte