MEUS SEGUIDORES

segunda-feira, 29 de junho de 2015

MENSAGEM PARA REFLRXÃO " AS DORES DA ALMA"





AS DORES DA ALMA


As dores da alma não deixam recados, imprimem uma sentença que perdura pelos anos.

Um amor que acabou mal resolvido, um emprego que se perdeu inexplicavelmente,um casamento que mal começou e já terminou, uma amizade que acabou com traição, tudo vai deixando sinais, marcas profundas...

Precisamos trabalhar as dores da alma, para que sirvam apenas de aprendizado, extraindo delas a capacidade de nos fortalecermos, aprendendo que o melhor de nós, ainda está em nós mesmos, que amando-nos incondicionalmente, descobrimos a autoestima, que se deixarmos seguir o caminho da dor e da lamentação, iremos buraco abaixo no caminho da depressão.

As dores da alma não saem no jornal, não viram capa de revista, e só quem sente, pode avaliar o estrago que elas causam.

Como não existe vacina para amores mal resolvidos, nem para decepções diárias, o que vale é a prevenção, então: ame-se para amar e ser verdadeiramente amado, sorria para que o mundo seja mais gentil, dedique-se, para que as falhas sejam pequenas, não se compare a ninguém, você é único, repare nas pequenas coisas, mas cuidado com as grandes que as vezes estão bem diante do nosso nariz e não enxergamos.

Sonhe, pois o sonho é o combustível da realização, tenha amigos e seja o melhor amigo de todos, apaixone-se pela vida e por tudo o que é seu, acredite em seu poder de sedução, estimule-se, contagie o mundo com o seu melhor, creia em Deus, pois sem Ele não há razão em nada, e tenha sempre a absoluta certeza de que, depois da forte tempestade, o arco-íris vai surgir e o sol vai brilhar ainda mais forte.
Eu acredito em você!

Autor: Paulo Roberto Gaefke


segunda-feira, 22 de junho de 2015

CHEGOU SÃO JOÃO ! NO NORDESTE TEM COMIDAS E ANIMAÇÕES. VIVA SÃO JOÃO!



 

CHEGOU SÃO JOÃO!



“Segundo a tradição cultural nordestina, no mês de junho o céu fica mais iluminado com fogueiras e balões e bandeirolas por todo lado”.


     O mês de junho é marcado pelas fogueiras, que servem como centro para a famosa dança de quadrilhas. Os balões também compõem este cenário, embora cada vez mais raros em função das leis que proíbem esta prática, em função dos riscos de incêndio que representam.


Embora se comemore os três Santos, Santo Antônio, São João e São Pedro, o forte mesmo é o Santo Antônio.

Em todos os recantos do nordeste comemora-se com muita alegria e fartura. A culinária é muito atraente e diversificada, de região pra região, assim como as festas, atraindo muitos turistas e estes movimentam a economia.
Os  nordestinos afogam as tristezas, e reúnem-se em plena alegria ao lado de uma fogueira ou ao som do Sanfoneiro, forosando a noite inteira.


NO NORDESTE É ASSIM:

 PERNAMBUCO
 

CARUARU, a cidade pernambucana situada a 130 km da capital Recife, todos os anos, deixa de ser tranquila, durante os 30 dias de festança. As ruas são tomadas por bandeirinhas multicoloridas, vilas cenográficas são produzidas, as barracas com delícias típicas como canjica, pé de moleque e pamonha são sucesso e as iguarias ganham até versões gigantes, as tradicionais fogueiras ardem com chamas altas e sem pulos e, claro, não poderia faltar a quadrilha que, nas festas juninas no nordeste, chegam a ter 4 mil participantes.

O arraial conta ainda com apresentações de bandas de pífano, trios de forró pé de serra e shows com os nomes do momento.
 





 

CAPITAL PERNAMBUCANA - Na véspera e dia de São João têm shows em vários bairros do Recife e na maioria dos municípios pernambucanos os festejos continuam com muita animação e comidas típicas. Mesmo com a crise em diferentes setores, os pernambucanos se superam em alegria neste período junino.
 

SERGIPE

O céu nordestino é o mais iluminado do Brasil no mês de junho e somente nele tem um barco de fogo. Ele é preso bem alto e, depois de aceso, parece mesmo que está voando. E tem as quadrilhas juninas, que fazem verdadeiros espetáculos. São mais de 100 em Sergipe e muitas chegam a fazer até três apresentações por noite.

São João é sinônimo de mais dinheiro também para os sanfoneiros. São mais de 500 em Sergipe e, mesmo cobrando cachê dobrado, é tanto show que alguns recusam trabalho. "Se você liga em cima da hora, ás vezes você dá sorte", conta o sanfoneiro Erivaldo de Carira.
 

PARAÍBA

 Em Campina Grande, cidade a 135 km de João Pessoa, acontece uma das maiores festas juninas do nordeste e, como eles dizem com orgulho, do mundo. O endereço da bagunça é sempre o mesmo, a imensa área a céu aberto do Parque do Povo. É lá que o arraial é armado nos 30 dias de festa com direito a bandeirolas, balões, fogueira, cidade cenográfica com réplicas de prédios históricos do centro, barracas e mais barracas com comidas regionais que vão do pé de moleque até a buchada de bode, quadrilha, forró pé de serra, shows e tudo mais que fizer parte das tradições que embalam as festas juninas no nordeste. A festança deste ano acontecerá de 6 de junho a 6 de julho e ainda não teve a programação divulgada.
 

MARANHÃO

Em São Luís, são os grupos de Bumba Meu Boi que comandam o arraial. E a primeira parada é na igreja. O padre pede proteção para a maratona de apresentações que eles têm pela frente, que o diga o miolo do boi, que carrega o "bicho" nas costas todos os dias. "Quatro, cinco horas com uns 10 kg nas costas. Vale a pena, sim",ele responde ao repórter.

É uma tradição enorme no Maranhão. Onde tem bandeirinha de São João, tem grupo de Bumba Meu Boi se apresentando. Neste ano, serão mais de 1.600 arraiais espalhados pelo estado. E onde tem boi, tem gente disputando espaço para ver.

VIVA SÃO JOÃO  COM ANIMAÇÃO E MUITAS COMIDAS  TÍPICAS!

 






  
BOM SÃO JOÃO  PARA TODOS! 

PRENDAS E BRINCADEIRAS JUNINAS




 
PRENDAS E BRINCADEIRAS JUNINAS
 
De acordo com a tradição junina, muitas brincadeiras são tradicionais nos festejos juninos, a exemplo dessas:

1. CORREIO ELEGANTE
As festas juninas também ficam muito animadas quando o povo é convidado a mandar bilhetinhos pelo correio elegante.
É assim que funciona:
Usando cartolina de diversas cores, faça pequenos cartões em formato de coração, de balão, redondo ou quadrado e coloque-os em uma cestinhas, as próprias pessoas poderão escrever mensagens aos amigos, ou mesmo, já poderão ter alguns cartões com mensagens escritas.
Você envia para alguém bilhetinhos, anônimos ou não, com declarações de amor, amizade, agradecimento, ou frases religiosas, pedido de desculpas. Depois, é só esperar a resposta e continuar se divertindo na festa.

2. PAU DE SEBO
É uma competição em que os participantes devem escalá-lo até o topo, onde ficam prendas ou dinheiro. Consiste de um tronco de arvore com quatro metros mais ou menos de altura, todo coberto com sebo de animal, pois deve ficar bastante liso e escorregadio. O grande desafio dos participantes é atingir o seu topo e pegar as prendas lá colocadas.

3. PESCARIA
Recorte peixinhos e outros animais marinhos em uma cartolina. Com fita adesiva, cole um clipe em cada bichinho e finque-os em uma bacia com areia. Para fazer a varinha, amarre um barbante na ponta de um graveto de madeira. Na outra extremidade do barbante, amarre um clipe, com a lateral aberta, de modo a parecer um anzol.
Fixe números nos animaizinhos, para que estes correspondem ao brinde (também numerado) que irá levar.

4. CORRIDA DE TRÊS PÉS
 Cada jogador amarra a sua perna esquerda à perna direita do parceiro e, assim, os dois pulam até a linha de chegada. Ganha a dupla que chegar primeiro.

5. OVO NA COLHER
Cada participante corre equilibrando um ovo cozido- pode ser também um tomate ou uma batata- numa colher até chegar à linha de chegada.
Ganha um brinde quem chegar primeiro, sem deixar cair da colher.

6. BOCA DO PALHAÇO
Desenhe um palhaço em uma cartolina com a boca bem grande e aberta. Recorte com estilete o espaço da boca- deixando os lábios. As crianças deverão acertar bolinhas pequenas – pode ser de tênis ou frescobol- na boca do palhaço. Ganha um brinde a que conseguir acertar mais.

7. JOGO DE ARGOLAS
Coloque várias garrafas em um dos cantos da sala para que as crianças tentem acertar as argolas. Delimite a distância com que as crianças deverão fazer as tentativas passando fita crepe no chão. Use a fita crepe para fixar as garrafas- de plástico, para não haver acidentes- no chão. Dê preferência as garrafas de 600 ml, que são menores e cubra-as com papel colorido por fora. Ganha a que acertar mais argolas.

8. DANÇA DAS BATATAS
O casal tem que dançar até o fim da música equilibrando uma batata entre as testas, sem deixar cair. Pode substituir por uma maçã.

9. CORRIDA DE SACOS
Arranje sacos de linha e os corredores deverão correr com os dois pés dentro do saco, sem cair. Quem chegar primeiro, ganha.

10. DANÇA DAS CADEIRAS
Coloque cadeiras espalhadas, sempre uma a menos do que o número de pessoas participantes. A música para de vez em quando, sem esperar e as pessoas correm para sentar nas cadeiras. Quem sobrar sai da brincadeira.

11. BRINCADEIRA DA MAÇÃ
Prende-se uma maçã através do cabinho em um barbante ou cordão, pendura-se a extremidade do cordão no alto, de forma que os participantes possam alcançar a maçã com a boca. De mãos para trás cada participante tentará morder esta maçã, o que conseguir primeiro, ganha.

12. COELHINHO NA TOCA
Precisa-se de um coelhinho.
Você poderá usar caixas de sapato ou maiores, depende do tamanho do coelhinho que você terá para a brincadeira. Faça um buraco como de uma toca, em cada caixa e as disponha em círculo. Numere a parte superior das caixas, assim como os brindes que você tem a disposição. Depois de cada participante escolher um número da caixa, o coelhinho poderá ser solto no centro... Este correrá para uma das tocas (caixas), a de número que ele entrar, será o ganhador.

 13. PRENDAS/LEMBRANCINHAS
Você poderá fazer saquinhos de papel ou canudos ( aproveite o rolo vazio do papel higiênico) envolvidos em papel colorido. Coloque dentro miudezas baratas e frases engraçadas ou medalhas, tercinhos, etc. e bilhetinhos com frases religiosas. Distribua aos convidados para sua festa, como surpresa.




AS FESTAS JUNINAS JÁ COMEÇARAM !



 FESTA JUNINA
L e M: Mariana Rodrigues de Carvalho

Olê, olá, vem pro arraiá correndo que a festa vai começar.

Olê, olá, a festança está bonita e todo mundo vai gostar. (bis)

Dance bastante que hoje é festa de São João

Mexe o corpo, mexe os braços,bate na palma da mão.

A nossa festa está repleta de energia

A escola é uma festa. Que legal! Que alegria!

Olê, olá, vem pro arraiá correndo que a festa vai começar.

Olê, olá, a festança está bonita e todo mundo vai gostar. (bis)

Entre na roda, venha e pule a fogueira

A pipoca está quentinha e tem bastante brincadeira

Arrume um par que o baile vai começar

Ninguém vai ficar parado. Todo mundo vai dançar.