MEUS SEGUIDORES

terça-feira, 22 de setembro de 2015

PRIMAVERA




Primavera

Primavera gentil dos meus amores,
- Arca cerúlea de ilusões etéreas,
Chova-te o Céu cintilações sidéreas
E a terra chova no teu seio flores!


Esplende, Primavera, os teus fulgores,
Na auréola azul, dos dias teus risonhos,
Tu que sorveste o fel das minhas dores
E me trouxeste o néctar dos teus sonhos!


Cedo virá, porém, o triste outono,
Os dias voltarão a ser tristonhos
E tu hás de dormir o eterno sono,


Num sepulcro de rosas e de flores,
Arca sagrada de cerúleos sonhos,
Primavera gentil dos meus amores!

Augusto dos Anjos


2 comentários:

  1. Bom dia, Lourdes. Adoro Augusto dos Anjos. Este poema tem uma conotação menos sombria do que os outros que ele escreveu, mas tem sua marca indelével e inesquecível.
    Boa primavera pra você!

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida Lourdes
    Que a Primavera lhe seja favorável com cores novas, alegrias sem fim e flores espirituais lhe cercando a alma!!!
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir

Muitas vezes, a correria de nossas vidas nos impede de dar atenção ao que realmente vale a pena. E agradecer é uma das coisas que acabam ficando esquecidas na correria do dia-a-dia.
Pode ser por um simples favor ou por uma grande atitude, mas o agradecimento nunca deve ser esquecido. Obrigado Por Sua Atenção e Pelo Carinho e por ter vindo até aqui e deixando seu comentário importantíssimo para o engrandecimento das postagens. SEJA SEMPRE BEM VINDO(A) Profª Lourdes Duarte